Inseminação Intrauterina

Trata-se de um procedimento por meio do qual o sêmen é preparado e inserido diretamente no interior do útero com o auxílio de um cateter com o objetivo de facilitar a ascensão dos espermatozoides até as tubas uterinas, local onde ocorre a fertilização do óvulo. A ovulação da paciente é estimulada e o controle é feito por meio de exames de ultrassom. O procedimento é realizado próximo ao momento da ovulação.

O tratamento é indicado quando se verifica a presença de fator masculino leve ou infertilidade sem causa aparente. A paciente deve ter pelo menos uma tuba uterina pérvia.

A inseminação também pode ser realizada com sêmen de doador