Artrite Reumatóide - Auguste Renoir

 
Fonte: Dra. Eliane Battani Dourador - CRM: 60.021
Publicado em 10/06/2021
Reumatologia de Auguste Renoir

A Reumatologia mudou a vida de quem tem artrite reumatoide.

A vida desse artista excepcional, assim como sua obra, foi modificada pela artrite reumatóide. Ao longo de 28 anos, ele teve dor; pela foto, o vemos bastante emagrecido, com as mãos deformadas; começou a usar uma bengala, depois duas e finalmente, cadeira de rodas. Ele não podia mais calçar sapatos, só usava sapatos de feltro e a dificuldade de segurar pincéis o fez mudar sua técnica de pintura. Mas, mesmo com todas essas dificuldades, ele pintou quadros até o dia de sua morte deixando um legado maravilhoso. Naquele período, não havia qualquer tratamento para dor!

Oitenta anos depois de sua morte, teve início uma verdadeira revolução na Reumatologia. Até então, nós reumatologistas tínhamos pouco a oferecer aos nossos pacientes com artrite reumatóide, doença que leva a inflamação de muitas articulações de forma simultânea, muito dolorosa e incapacitante, que atinge 1% da população mundial. E que pelo pouco que tínhamos a oferecer, não conseguíamos aplacar a dor e melhorar a qualidade de vida, além de causar muitos efeitos adversos com o único fármaco do qual dispúnhamos, a cortisona.

Se você tem dor e inchaço nas articulações das mãos, punhos, tem dificuldade ou incapacidade de dobrar os seus dedos das mãos e punhos pela manhã, ao acordar; ou ainda dores nos dedos dos pés e, todos esses sintomas estão se somando progressivamente, percebe que não são passageiros, você pode estar desenvolvendo essa doença.

Mas saiba que apesar de crônica, hoje nós reumatologistas temos boas notícias: muitas opções de tratamento, com medicamentos modernos, eficazes, disponíveis e acessíveis para todos os brasileiros, graças também ao trabalho e empenho de muitos reumatologistas que se dedicam a ampliar o conhecimento desses tratamentos, medicamentos que devolvem aos pacientes a capacidade de fazer as suas atividades do dia a dia, exercícios, conviver socialmente, principalmente em uma fase inicial da doença. 

É importante reforçar que, seu diagnóstico é postergado, nós perdermos essa chance.

Agarre essa oportunidade, que muitas pessoas em um passado não muito distante não puderam usufruir.

Somos um grupo de especialistas em Reumatologia no Sírio Libanês e temos essas ferramentas para oferecer a você uma vida com mais qualidade, liberdade de movimentos e de escolhas, sem dor e sem limitação.

E acho que agora podemos dizer a frase que Auguste Renoir disse a Matisse sobre o poder que a pintura exercia sobre ele, que é a capacidade de aliviar o sofrimento traz muita beleza para nossa especialidade.

De Matisse para Renoir:

August, por que continua a pintar?

Renoir, com docilidade, respondeu:

– Porque, meu prezado amigo, a dor passa e a beleza permanece!

Auguste RenoirImagem - Pierre-Auguste Renoir



Nosso Atendimento

O serviço de Especialidades Médicas Sírio-Libanês reúne equipes médicas e equipes multidisciplinares especializadas, trabalhando de forma integrada para oferecer o que há de melhor em diagnósticos e tratamentos, promoção de saúde, qualidade de vida e planos de cuidados centrados no paciente.

Horário de funcionamento:

De segunda à sexta-feira, das 8h às 20h 

Informações:
Telefone: +55 (11) 3394-5007 

Onde estamos:

Rua Dona Adma Jafet, 115 Núcleo de Medicina Avançada
Bloco E - 4º andar - Bela Vista - São Paulo