Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
Logon

Qualidade e Segurança

Segurança de Medicamentos

​​​​​​​​O que é?​

Falhas no processo de medicação é um problema frequente em centros hospitalares de todo o mundo. A principal delas envolve a administração equivocada de medicamentos relacionada à dose, via de administração e tipo de droga.

O programa de segurança de medicamentos do Hospital Sírio-Libanês envolve o conceito dos cinco certos:

  • Paciente
  • Medicamento
  • Dose
  • Via
  • Horário

Nosso resultado é monitorado por meio do indicador de falha no processo de medicação. O processo de uso de medicamentos na instituição é eletrônico. Barreiras foram desenvolvidas com o objetivo de se evitar falhas desde a prescrição até a administração. Nesse processo, a identificação do paciente – feita por pulseira com código de barras – é primordial. Além disso, orientamos que os medicamentos trazidos pelo paciente sejam entregues à equipe de enfermagem.

O que medimos?

Nesse indicador, consideramos a taxa de falhas no processo de administração de medicamentos. A meta estabelecida é fixada em 2,0 para cada 1.000 pacientes/dia, de acordo com o gráfico a seguir. Nesse índice, considera-se o tempo de internação do paciente como determinante do risco.

Densidade de falhas no processo de medicação no Hospital Sírio-Libanês em comparação com a meta da instituição

Densidade de falhas no processo de medicação no Hospital Sírio-Libanês em comparação com a meta da instituição

Indicadores validados (auditados) por BDO.

Até o presente momento não foram evidenciados indicadores internacionais/nacionais para comparação.

Nesse indicador, consideramos todas as falhas no processo de administração de medicamentos em pacientes internados, mesmo aquelas que não causaram danos. Levando em consideração o total de medicamentos prescritos, essas falhas representam um índice de apenas 0,01%. Desenvolvemos programas multiprofissionais para melhorar, de forma contínua, esse processo.

A meta foi estabelecida a partir dos nossos resultados anteriores (série histórica) e considerando o fato de que esses eventos acontecem em função da complexidade do processo e do comportamento humano.

É importante ressaltar que todas as falhas são abordadas prontamente, com o objetivo de correção e prevenção de danos ao paciente. O Hospital Sírio-Libanês tem a convicção de que mudanças implantadas promovem maior segurança para os pacientes.

O que você pode fazer para melhorar esse processo?

A segurança no uso de medicamentos inclui a checagem da identificação do paciente com a prescrição médica.

Fique atento à realização desse passo: ele pode acontecer eletronicamente (bipagem do código de barras, no leito) ou manualmente (confirmação dos dados da pulseira com o prontuário).

Informe à equipe os medicamentos de uso habitual e não tome qualquer medicamento sem a devida prescrição médica.

Esclareça suas dúvidas com os profissionais de saúde que estão lhe atendendo. Isso pode evitar falhas. Participe desse processo.

Conheça outras metas:

​​