Câncer de Pele

​​​​​​​Carcinoma E​spinocelular

O carcinoma espinocelular é o segundo tipo mais frequente (15%) de câncer de pele. Acomete geralmente os indivíduos de pele clara e com 50 anos ou mais que se expuseram ao sol com frequência. Algumas situações, como transplante de órgãos, úlcera crônica, tabagismo e ingestão de arsênico, predispõem ao desenvolvimento deste tipo de câncer.

São lesões que podem surgir de queratoses actínicas, se apresentar como lesões elevadas ou nódulos de coloração variada, com crescimento rápido que podem apresentar ulceração.

Podem se localizar nos lábios, genitais, couro cabeludo ou em qualquer parte do corpo. Este câncer tem potencial de destruição do tecido da pele e pode se disseminar para os gânglios linfáticos (especialmente os localizados em lábio e orelha). Também pode causar metástase nos  pulmões, fígado ou cérebro.

 


Você está visualizando:

Câncer de Pele

Outros conteúdos disponíveis para esta especialidade: