Serviços

​O Núcleo de Cuidados Paliativos conta com uma equipe fixa, multidisciplinar, composta por médicos especializados em cuidados paliativos, enfermeira e psicóloga, além de profissionais de referência em suas áreas, como fisioterapeutas, nutricionistas, farmacêuticos, assistentes sociais e voluntários.

Inicialmente, a equipe age no controle dos sintomas. Uma vez que os sintomas estejam controlados, os profissionais se colocam à disposição dos pacientes e de seus familiares para ajudá-los a conviver melhor com a doença e o tratamento, utilizando-se, para isso, de abordagens diferenciadas.

O serviço é oferecido em período de internação, sem custo. Para aqueles que não necessitam permanecer internados, a equipe de cuidados paliativos atende em consultório ou em domicílio. Nesse caso, o serviço é cobrado.

O paciente e seus familiares podem conversar com o médico que o acompanha sobre a necessidade de receber cuidados paliativos. Em caso afirmativo, basta acionar a equipe responsável.

O objetivo do serviço é oferecer uma visão estratégica, integrada e multidimensional que envolva aspectos como:

  • Abordagem e formas de tratar e cuidar dos sintomas de sofrimento físico, emocional, social e espiritual.
  • Atendimento à família, estratégias de comunicação e intermediação de conflitos.
  • Habilidade para trabalhar em equipe, e também aspectos éticos e jurídicos.

Os cuidados paliativos podem abordar uma ampla gama de questões, integrando as necessidades individuais de cada paciente. São elas:

  • Físicas – Os sintomas físicos mais comuns são dor, fadiga, perda de apetite, náuseas, vômitos, falta de ar e insônia. Muitos deles podem ser controlados com medicamentos ou por meio de outros métodos, como a terapia nutricional, fisioterapia ou técnicas de respiração.
  • Emocionais – Os especialistas em cuidados paliativos podem fornecer recursos para ajudar os pacientes e suas famílias a lidar com as emoções que vêm com o diagnóstico e o tratamento de uma doença, como ansiedade e medo. Os especialistas podem dar aconselhamento, recomendar grupos de apoio, reuniões familiares ou encaminhar para psicólogos.
  • Espirituais – Ao receber o diagnóstico de uma doença, os pacientes e seus familiares muitas vezes olham com mais atenção para o sentido de suas vidas. Alguns acreditam que a doença traz mais fé, enquanto outros a questionam. O especialista em cuidados paliativos pode ajudar as pessoas a explorar suas crenças e valores diante desse cenário.
  • Práticas – Em algumas situações, os pacientes podem ter preocupações financeiras e legais, e a equipe de cuidados paliativos pode ajudar na coordenação dos serviços adequados.

Agendamento de consultas para equipe de suporte e Cuidados Paliativos:

Bela Vista: (11) 3394-5007

Itaim: (11) 2344-3080

Brasília: (61) 3044-8888 ou (61) 3799-6810


O Núcleo de Cuidados Paliativos, quando necessário, pode encaminhar o paciente e seus familiares para atendimento no Núcleo de Cuidados Integrativos.

​​

  • ​​​​